quinta-feira, 19 de abril de 2018

Convite para grupo de conversa sobre Relacionamento Conjugal

Sem dúvida um dos assuntos mais palpitantes e de interesse geral é o do relacionamento  conjugal, pois é assunto que à maioria diz respeito diretamente.
No O livro dos espíritos, Allan Kardec nos coloca a seguinte questão com a resposta dos benfeitores espirituais:
695. O casamento, ou seja, a união permanente de dois seres é contrária à lei da Natureza?
      — É um progresso na marcha da Humanidade.
Fica patente que a união conjugal de dois seres é instrumento de aperfeiçoamento e crescimento para ambos, no entanto, visível é as dificuldades enfrentadas pelo casal para a construção de um relacionamento harmônico, pautado no respeito e verdadeiro interesse no bem estar do outro e no compartilhamento de experiências comuns.
Sabemos que existem casamentos missionários, onde  os dois espíritos são amigos e que realmente se amam e buscam o aperfeiçoamento de suas habilidades, mas também existem os casamentos onde são prioritariamente de provas e expiações. Onde reside a necessidade urgente de se estabelecerem laços, reverem problemas do passado e ajustar-se perante a lei universal".
Muita gente se pergunta: “qual seria o meu tipo de casamento?”.
Uma coisa todos sabemos: Que tudo tem uma razão de ser e visa o nosso bem.  
Para mediar estas e outras questões relativas ao relacionamento conjugal, teremos Gabriela Feijó (psicóloga espírita) e Chateaubriand, ambos, com formação em terapias de grupo de casais.
Convidamos a todos os trabalhadores espíritas, inclusive jovens da envangelização,  para participarem de um bate-papo descontraído, mas, orientado nas luzes do Consolador Prometido a respeito do tema.
Aguardamos você
1ªURE/GIEE-Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário