quarta-feira, 12 de agosto de 2015

Mediunidade com Jesus

"Ser médium é ser ajudante do mundo espiritual
Seara do Médiuns.
"Igualdade perante Deus:
Por isso mesmo a prática mediúnica reveste-se de serenidade e entrega, não dando espaço para estrelismos, competições doentias e as tirânicas atitudes
de agressão a quem quer que seja"
Divaldo P. Franco pelo Espírito Manoel P. de Miranda em Mediunidade Desafios e Bençãos, p 87.

Com simplicidade, domínio de conteúdo e coerência doutrinária, Aroldo Vales Conceição, membro da 2ª URE de Curitibanos, nos proporcionou uma manhã agradável, com muitas reflexões sobre "Mediunidade com Jesus" das quais destacamos algumas: Começou dizendo que "nem todo Espírito é evoluído" e que o "verdadeiro espírita não é aquele que participa de uma reunião por semana", mas procura vivenciar os seus ensinos. Há uma vontade 'louca' de participar de grupo mediúnico e esta vontade não tem conduzido ao estudo, de fato, do livro dos Espíritos e dos Médiuns. Explicou a diferença entre ler e estudar
que é ir além da leitura, refletindo, relendo, buscando referências, ouvindo a percepção de outros irmãos durante as reuniões de estudo. 

O livro dos Médiuns é uma continuação do Livro dos Espíritos e, se não estudo, como posso atrever-me a participar de um grupo mediúnico? Estima-se a população mundial em 7 bilhões de seres e o número de desencarnados é quatro vezes mais de criaturas esperando para influenciar nossos pensamentos. Somos os maiores obsessores de nós mesmos a mercê de nosso livre arbítrio. Espírito sábio não faz propaganda de suas realizações. Temos que ter um modo de vida condizente ao "homem de bem" para nos habilitar a participar de grupos mediúnicos, neste sentido, não fazer o mal é obrigação, mas fazer todo o bem que devemos. 

A utilização do tempo é preferência nossa, de nossas escolhas. Como consigo ser médium sem entender mediunidade?: "Os Espíritos levianos, trevosos, sempre estão prontos a responder o que lhes pedem" ESE  Introdução. Quem não leu as obras de André Luiz, psicografadas por Francisco Cândido Xavier, não deveria trabalhar com mediunidade, pois um advogado não precisa fazer faculdade, TCC, especialização como base para exercer a profissão? 

O  que é Mediunidade com Jesus? É colocar em prática a lei do amor; É vivência de caridade; É serviço ao semelhante; É aprender a servir. Caridade não é dar coisas, mas dar o que temos de melhor e, talvez o que temos de melhor seja nosso tempo, visitando, por exemplo, uma casa de repouso, um hospital... Como posso ajudar os desencarnados se não consigo servir os irmãos no atendimento fraterno? Dona Ivone do Amaral Pereira nos alerta: "Companheiros da mediunidade rompam com vosso orgulho e vossa vaidade".  Porque, acrescenta Aroldo, não é a mediunidade que nos distingue é o uso que se faz dela. Finalizou citando, novamente, dona Ivone: "Mediunidade é tarefa com Jesus".

Nenhum comentário:

Postar um comentário