quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

Relatório do CFR realizado em 09 de Novembro 2013

Às 08h, a reunião teve início, com a presença da equipe da 1ª URE, presidentes e/ou representantes e coordenadores das casas espíritas. 
Antenor (CELC) proferiu a prece inicial e teceu alguns comentários a respeito da importância da unificação do Movimento Espírita.
Paulo (1ª URE) deu as boas-vindas, agradecendo a direção da casa pela acolhida e oportunidade de estarmos reunidos para o 3º e, último, CFR de 2013. 


Até as 09h30min, reunidos em salas separadas, cada departamento discutiu e planejou suas ações. 

Às 10h, após o coffee-breck, todos se apresentaram e, na sequência, os 
coordenadores explanaram:

Cristina (Depto Doutrinário), responsável pela “Escala Doutrinária”, apresentou o DVD institucional da 1ª URE, produzido pela FEC, com duração de 3 minutos, que traz explicações sobre o que é o Movimento Espírita. O mesmo foi distribuído para os presidentes e/ou representantes das casas espíritas para ser apresentado nos dias destinados às palestras da URE, para esclarecimento do público e trabalhadores das casas.

Elisabete (Secretária URE 1) agradeceu e elogiou a equipe do CELC pela organização do espaço para a reunião e solicitou aos Presidentes uma atenção especial quando ocorrer mudança de gestão, enviando à secretaria, a nominata da nova equipe, nome completo, função, e-mail e telefones, a fim de atualizar os cadastros da 1ª URE e também da FEC, bem como, para que possam receber as informações que são repassadas pela União Regional. A troca de informações entre a URE e as casas espíritas auxilia o trabalho de todos. Ressaltou a importância da participação de todas as casas no CFR e, caso o Presidente não possa comparecer, poderá enviar um representante. 

Sérgio (DAPSE) fez a divulgação do Livro “Conviver para Amar e Servir”, com autoria de Helder Boska de Moraes Sarmento, Reinaldo Nobre Pontes e Sonia Regina Hierro Parolin, edição e lançamento da FEB, que é baseado na filosofia de Jesus e de Mário da Costa Barbosa, Assistente Social que trabalhou junto ao Movimento Espírita Brasileiro. Falou que o segredo para o sucesso de todo o trabalho espírita é servir em nome de Jesus, pois muitas vezes na ansiedade acabamos por não perceber a necessidade do nosso próximo. 


Recomendou, aos interessados, para assistirem as palestras de Mário da Costa Barbosa no blog da Assistência Social Espírita, ligado a Federação, no item material de capacitação, que fala sobre a implantação do espaço de convivência.
Ressaltou que o conteúdo é voltado, não só a assistência, mas para as nossas relações em qualquer trabalho na casa espírita.

Antenor (CELC) repetiu a mensagem do Espírito Órion, lida na abertura da reunião, que consta no Livro “Transição Planetária”, onde ele convoca os espíritas,  principalmente os médiuns e expositores espíritas, para o envolvimento com o Movimento Espírita, pois estamos sendo convidados para uma grande cruzada internacional de preparação para a transição planetária, recomendando a leitura. 

Lúcia (CEAHA) falou da necessidade do engajamento de todos na divulgação 
do Movimento Espírita, e do CONFRATESC (Confraternização dos Trabalhadores Espíritas de Santa Catarina) a realizar-se no dia 16/11/2013, no Centro de Eventos, no bairro Estreito, com a palestrante Martha Melo (RJ), que trabalha com dinâmica de grupo baseada no tema: "Acolher, consolar esclarecer e orientar", que são as fases do atendimento fraterno. 

Adolfo (DFIJ) falou da necessidade de inclusão da família no DIJ onde, desde 2010, os encontros realizados, no meio do ano (ENJOE), envolvem não só os jovens, mas também as crianças e os pais. 

Na próxima CONREJE, haverá atividades para as crianças e para os pais e solicitou o auxílio de todos na divulgação, com a proposta de passarem o carnaval de modo diferente. Será encaminhado um e-mail com uma lista dos alimentos necessários, para que todos possam ajudar.

Anderson (Depto do Livro) fez sorteio de alguns livros. 

Magna (Depto da Mediunidade e GIEE’s) pede aos presidentes que estimulem seus diretores, do depto da mediunidade, para participarem das reuniões do DEMURE e diz que na reunião de novembro, transferida para o dia 22, no CEIE-SERTE, às 20h, será avaliado os trabalhos de 2013 e o planejamento para 2014.



Agradece o empenho de todos na divulgação, mobilização de seus tarefeiros e participação dos eventos de formação dos GIEE’s em 2013, e, também, ressalta que as primeiras iniciativas de integração ainda são bastante frágeis e necessitam do esforço de todos para que se fortaleçam e seja criado um movimento coeso e verdadeiramente fraternal.


Também reforça a necessidade da participação dos presidentes nas reuniões de avaliação e planejamento que ocorrerão na seguinte ordem:

GIEE-norte: 16/11, no CE Maria de Nazaré, das 14h às 18h.

GIEE-centro: 30/11, na CE Joana Lima, das 14h às 18h.

GIEE-sul: 06/12, na SEOVE, das 20h às 22h30.

Dauto divulga o seminário “Mecanismos da Mediunidade” pelo GIEE-sul.
Pinheiro divulga o seminário “O Expositor Espírita” pelo GIEE-centro.

Carlos Aldir: (AEFC) Fala sobre a importância do trabalho do AEUP feito em 
unidades prisionais por voluntários espíritas, explica que o dia e horário das 
atividades variam de acordo com o estabelecido pela gerência de cada unidade prisional. Diz que além do atendimento ao detento, também, nesta atividade, se faz necessário um cuidado especial com o agente prisional que é quem poderá contribuir para o bom desenvolvimento do trabalho ou criar inúmeros embaraços para a realização dele.

 – Os voluntários do AEUP se reúnem no 2ª sábado dos meses pares, das 8h às 12h, na AEFC. 

Taiza Becker: (GAESE) Expõe sucintamente sobre a atividade feita por 
trabalhadores de várias casas espíritas no Hospital Universitário. Explica que esta atividade está vinculada a Associação Amigos do HU (AAHU) devendo se submeter a todas as regras e ao regimento estabelecido por ela. Para ser um voluntário nesta atividade, o interessado deve fazer um curso de 4 dias, promovido pela AAHU, uma vez por ano.

Sartori (Depto de Esperanto) esclarece que considerando que as Instituições Espíritas, da 1ª URE, não dispõem de um setor específico de Esperanto, houve uma reunião do próprio departamento de Esperanto, da 1ª URE, onde foi discutido a programação dos dias e horários dos Cursos de Esperanto promovidos pela 1ª URE para o ano de 2014.

Além das instituições que já promovem cursos de Esperanto, mais três casas 
disponibilizaram-se a sediar cursos em 2014:

Casa Espírita Joana Lima (CEJL) - Área Centro;

Centro Espírita Caminho da Luz (CECAL) - Área Norte/Canasvieiras e Casa Espírita Amigos do Caminho (CEAC) – Área Sul/Morro das Pedras (aguardando detalhes para confirmação).

A divulgação dos dias e horários dos cursos para o ano de 2014, bem como 
inscrições, será feita pelo portal da FEC, após aprovação pela diretoria da 1ª URE.

Definição da data do 2º Encontro Espírita Esperantista de Florianópolis: dia 13 de Julho de 2014, data a ser apresentada em reunião da 1ª URE para aprovação e inclusão no calendário de 2014.


O 1º Encontro Espírita Esperantista de Florianópolis, realizado no dia 14/Julho/2013, no Centro Espírita Luz e Caridade, bairro Trindade, das 8h30 às 12h, com o tema: 

“Confraternizar para Aproximar”, reuniu 23 participantes, entre os componentes dos grupos de estudo de Esperanto coordenados pela 1ª URE, bem como simpatizantes do Idioma da Fraternidade. Aconteceram duas palestras, em português, canto, declamação e prece em esperanto. Foi uma grata oportunidade de participar do movimento espírita esperantista, compartilhar conhecimentos e vivências, conhecer parte da bibliografia espírita em ou sobre o esperanto e recarregar energias para o segundo semestre de aprendizado da língua.

Nos dias 28 e 29 de janeiro de 2014, acontecerá em Florianópolis o 7º Encontro Brasileiro de Esperantistas Espíritas, no mesmo dia que encerra o 49º Congresso Brasileiro de Esperanto, também em Florianópolis, de 24 a 28 Janeiros/2014. No mês de setembro serão disponibilizados os cartazes para as instituições espíritas. 

Na sequência, foi aplicada uma dinâmica pelos Coordenadores Magna e Adolfo

Todos receberam uma folha com o desenho de uma árvore, com vários bonequinhos, em posições diferentes, onde cada um deveria fazer duas identificações, pintando dois desenhos, respondendo as seguintes perguntas: 

1º) Como me vejo trabalhando/contribuindo na casa espírita?

2º) Como me vejo trabalhando/contribuindo no Movimento Espírita? 

Após, todos tiveram oportunidade de socializar suas escolhas, compartilhar 
experiências e expor suas expectativas.

Após as manifestações, foi entregue um pacote “kit de sobrevivência para 2014”, contendo:

ELÁSTICO, representando o “AMOR”, lembrando que devemos ser flexíveis, pois nem sempre, as pessoas e as coisas são da maneira que gostaríamos que fossem;

CANETA, representando a “ESPERANÇA”, para anotar todas as coisas positivas e felizes que acontecem no dia a dia, profissional e pessoal;

BORRACHA, representando o “PERDÃO”, para que apaguemos da memória todas as mágoas e mal entendidos que possam ocorrer;

CLIPS, representando a “UNIÃO”, para que nos lembremos de juntar forças com familiares e amigos, a fim de superar os momentos difíceis que poderão surgir;

SAQUINHO DE CHÁ, representando a “SABEDORIA”, para aprendermos a relaxar e pensar duas vezes antes de agir;

BOMBOM, representando o “CARINHO”, que serve para adoçar a nossa vida, dos nossos amigos e familiares e, também, demonstrar a satisfação e a alegria que a equipe da 1ª União Regional Espírita tem por todos os trabalhadores do Movimento Espírita da Grande Florianópolis, integrantes e colaboradores da grande Família Espírita.

Conclusão: (grifo nosso) Cada item tem um significado especial e, se aprendermos a usá-lo de maneira prática e segura estaremos seguindo as orientações e os ensinamentos do “MESTRE JESUS”. 

Abaixo, destacamos algumas manifestações dos participantes para as seguintes questões propostas: 

Em que a 1ª URE, em 2014, poderá contribuir nos trabalhos das casas espíritas?

Como vocês gostariam que fosse o CFR no próximo ano?

Respostas:

• É a primeira vez que participo do CFR e foi como eu imaginava que é a troca de experiências. Minha única dificuldade é participar de reuniões as sextas e sábados; 

• Independente do dia da semana, o importante é não coincidir as reuniões com datas de eventos;

• Realmente é difícil conciliar as datas de tantos eventos, porém são apenas três encontros do CFR por ano e que devem ser prioridades para os representantes das casas espíritas;

• Que essas reuniões sejam em estilo “Roda de Conversa”, para que todos 
possam expor suas ideias, ouvir experiências dos demais, mostrando como cada um se sente no papel de presidente ou coordenador;

• Aprendemos uns com os outros e precisamos cultivar mais este espaço de 
convivência, e trazer os representantes dos departamentos também para esta reunião;

• É importante nos reunirmos com os departamentos nas casas espíritas e nas reuniões da 1ª URE;

Laura (SEAF) diz: apesar da relutância em participar, está muito contente com a dinâmica e que gostou demais da reunião, pois estava presa a descontentamentos, porém está muito contente dizendo que precisamos pegar o dinamismo dos jovens com a experiência dos mais velhos. Solicitou que os palestrantes quando se deslocassem para o sul da Ilha, o fizesse com maior folga no horário em virtude do trânsito;

Carlos Aldir: Pergunta o que nos elementos da dinâmica representa a 1ª URE, respondendo, diz, que a 1ª URE é o clips, pois, desempenha a tarefa de unir, congregar as casas espíritas para o fortalecimento e crescimento do movimento espírita. 

Magna divulgou a vinda de Francisco do Espírito Santo Neto, que estará no 
dia 23/11/2013, às 19h30min, no CEAHA e no dia 24/11/2013, das 10h às 12h, no CEAK/SERTE, Centro, e está sendo solicitada uma contribuição de R$ 10,00 (dez reais) para o evento. 

• Solicitou que para as reuniões dos GIEE’s as casas levem seus calendários de eventos, para a construção do calendário integrado de formações e não chocar com a data da reunião do CFR. 

• 03 (três) reuniões do CFR, por ano e que será mantida a dinâmica da roda de conversas e aplicada à roda comunitária na próxima reunião. 

Antenor sugeriu que as reuniões iniciassem as 09h. Magna disse que a 1ª URE está à disposição de todos, para receber sugestões e criticas, pois a 1ª URE, somos todos nós;

Dauto fez a leitura de encerramento contida no kit de sobrevivência. 

Assuntos Diversos: 

Eleição da Nova Diretoria da FEC, gestão 2014/2017.

Paulo lembrou que até o dia 03/12/2013 deverão ser encaminhadas as chapas e, que a eleição realizar-se-á no dia 02/02/2014; 

Solicitou aos Presidentes das casas que mostrassem, através do DVD institucional, a identidade visual da FEC e da URE, divulgando em suas casas. 

Magna ressaltou que a criação deste DVD é a resposta de uma demanda dos 
Presidentes das casas espíritas feita em reunião de CFR, sobre o que é a URE? 

Ficou definido pelos presentes para as próximas reuniões (CFR), o seguinte:

Permanecer as reuniões aos os sábados;

Evitar coincidir datas;

Manter o formato de roda de conversa;

Manter a periodicidade de três reuniões durante o ano.

No convite colocar que o cadastramento começará às 8h, para efetivamente começar 

às 8h30.

Palavras Finais: Paulo agradeceu a presença de todos, sobretudo a Deus, a Jesus e aos mentores da Casa por esta excelente reunião, e Carlos Aldir proferiu a prece de encerramento.


Mª Elisabete F. Corrêa
Secretária Geral da 1ª URE.