segunda-feira, 2 de setembro de 2019

CITAF será aplicado na região Sul e Norte

 

O programa da Capacitação Integrada do Trabalhador da Área FederativaCITAF - está dividido em etapas e sua aplicação é feita de forma gradativa através de metodologia interativa que tornam mais dinâmicos e participativos os encontros. E, em continuidade a aplicação do CITAF nos CEs da 1ª URE, nesta semana, acontecerão duas etapas, sendo uma na região Sul e outra na região Centro.

Na região sul será a vez da aplicação da etapa 2, cujos assuntos a serem tratados dizem respeito à temática: “O CENTRO ESPÍRITA”
2.1 Conceitos e Finalidades
2.2 Atividades Espíritas - Estrutura e Funcionamento
2.3 Dimensões Espirituais das Atividades Espíritas
2.4 Saberes Essenciais na Atividade Espírita
2.5 O Processo Desobsessivo em todas as Atividades do Centro Espírita
Já na região centro será aplicada a etapa 3 do programa, que traz temas específicos de cada área de atuação do movimento, tais como:
1. Contexto histórico das atividades federativas
2. Documentos orientadores elaborados e homologados pelo CFN
3. Estrutura Federativa que retroalimenta a atividade
4. Estrutura Operacional da Atividade no CE 
Cientes da necessidade do aprimoramento constante para a qualificação das atividades espíritas e da união e unificação dos nossos propósitos para que  o “(...) o Senhor, na sua vinda, encontre a obra acabada¹, convidamos a todos os trabalhadores dos centros espíritas das 1ª URE para participarem de mais duas estas etapas do CITAF.

Referência bibliográfica:
O Evangelho Segundo o Espiritismo, cap.XX, item 5, Obreiros do Senhor.

sexta-feira, 23 de agosto de 2019

Encontro Estadual sobre o Livro Espírita

Jorge Godinho, presidente da Federação Espírita Brasileira (FEB) e Gabriel Salum, presidente da Federação Espírita do Rio Grande do Sul (FERGS), serão os painelistas deste evento da Federação Espírita Catarinense. A temática terá como base a diretriz 8 do Plano de Trabalho do Movimento Espírita Brasileiro 2017-2022,  que trata da "promoção do Livro Espírita como elemento essencial ao cumprimento da Missão do Espiritismo". Será abordada também a sustentabilidade através do livro e a análise crítica da Literatura Espírita. Veja a programação completa e inscreva-se no site:
http://fec.org.br/index.php/biografias/item/1022-encontro-estadual-sobre-o-livro-espirita


segunda-feira, 5 de agosto de 2019

Casas no Norte e Sul receberão o ciclo de exposições "Em defesa da vida"

O Espiritismo nos ensina que vida deve ser respeitada desde o momento da concepção até o instante final da morte do corpo físico¹, nos esclarecendo a respeito da natureza, origem e destino dos Espíritos², descortinou diante de nossos olhos o que há por detrás do véu “da morte”³; acabou de vez com o materialismo comprovando a imortalidade da alma através das inúmeras comunicações dos Espíritos desencarnados e de outros fenômenos, antes inexplicáveis pela ciência. Com uma visão mais ampla e abrangente, a vida, na expressão da existência terrena – adquire um sentido profundo para todos os Espíritas que diante do assolar das dores e sofrimentos porque passa a humanidade atual envida todos os esforços para resgatar “o sentido da vida” junto aos seus irmãos de jornada.  Quase que generalizadas estão todas as formas de agressão físicas e morais que o ser humano engendra a si mesmo e contra o próximo, entregando-se a todas as formas de viciação, numa busca desesperada de prazer e alívio para suas dores, como há também, a negação doentia do direito à vida à fetos em gestação ou buscando a antecipação da morte, como forma enganosa de alívio, ou ainda, a entrega irrefletida a outras formas de agressões físicas, psíquicas e morais aos seus semelhantes oriundas de preconceitos e de outros mazelas morais que ainda caracterizam a humanidade terrena. Nunca em outra fase da humanidade foi tão necessário fazer ecoar por toda parte a mensagem do Cristo: Eu vim para que tenham vida, e a tenham em abundância”. (João, 10:10.)
Com esse propósito, a 1ª União Regional Espírita, há sete anos, organiza os ciclos de exposição “Em Defesa da Vida” nos centros espíritas das regiões, sul, norte e centro de Florianópolis. Durante os meses de agosto e setembro (na região centro acontecerá em novembro) temas como aborto, suicídio, drogas, violência, eutanásia, viver em família, promoção da paz e evangelho no lar estarão sendo abordados à luz da Doutrina Espírita com vistas a esclarecer e consolar, aliviar dores e resgatar a alegria de viver nos corações humanos. Convidamos a todos a fazerem parte desta grande corrente de amor à vida, prestigiando as exposições dos ciclos “Em Defesa da Vida”.
REFERÊNCIAS:
1 KARDEC, Allan. O livro dos espíritos. Trad. Guillon Ribeiro. 93. ed. 1. imp. (Edição Histórica.) Brasília: FEB, 2013. Conclusão, it. II.2 KARDEC, Allan. O que é o Espiritismo. Preâmbulo.Trad. Redação de Reformador de 1884. 56 ed. 1. Imp. FEB, 2013. 3 ____. O evangelho segundo o espiritismo. Trad. Guillon Ribeiro. 131. ed. 3. imp. (Edição Histórica.) Brasília: FEB, 2013. Introdução, it. I.

segunda-feira, 22 de julho de 2019

Seminário: Como falar em público sem desencarnar de medo

Quem já foi convidado a fazer uma palestra lembra-se de alguma vez em que, ao falar em público, sentiu um "friozinho na barriga", suor a rolar pela face, pressão baixa, pernas bambas, sensação de desmaio, e pensou consigo mesmo: "Ai, meu Deus, e agora?" Quem não sentiu aquela sensação de que "não se saiu bem" em alguma apresentação pública? Aqueles que já passaram por essas situações não devem se preocupar: estão no elenco das pessoas consideradas normais!
Neste seminário, Geraldo Campetti 
Sobrinho apresentará algumas dicas para amenizar esses "sofrimentos", técnicas e sugestões, trazendo experiencias de renomados oradores da atualidade como Divaldo Franco, Raul Teixeira, Marlene Nobre, dentre outros. 
Este evento é uma parceria entre a 1ª União Regional Espírita e o CE Amor e Humildade do Apóstolo, e foi pensado para o aprimoramento daqueles que já desenvolvem as tarefas da divulgação doutrinária e para incentivo àqueles que gostariam de iniciar nas atividades, colaborando com a divulgação da Doutrina Espírita. Venha, participe!

Inscrição gratuita pelo email:
estudoedifusao1ure@gmail.com

Doutrina Espírita na UFSC - Atividades retornam em Agosto


segunda-feira, 15 de julho de 2019

Encontro de Áreas visa a capacitação dos trabalhadores espíritas

Tema: "Espíritas! Amai-vos, eis o primeiro ensinamento; instruí-vos, eis o segundo. (E.S.E, cap. VI, item 5, Espírito de Verdade)"

a) Objetivo GeralCapacitar os dirigentes e trabalhadores das áreas finalísticas do Movimento Espírita Catarinense, visando o alinhamento de objetivos e diretrizes com base na união e unificação.   
b) Objetivos Específicos: • Capacitar os dirigentes e trabalhadores de cada região com base nos documentos norteadores, implementando as diretrizes nacionais. • Subsidiar as equipes das UREs para que possam atuar com mais qualidade e autonomia no atendimento das demandas dos centros espíritas de acordo com suas especificidades. • Ampliar e fortalecer a estrutura federativa, formalizando equipes de trabalho regionais em cada uma das áreas /atividades espíritas. • Promover o trabalho integrado entre as equipes das Uniões Regionais e Vice-Presidências finalísticas da Diretoria Executiva.  • Favorecer o debate para uma visão sistêmica das atividades do CE e das formas de operacionalizar uma atuação integrada de todas as áreas no acolher, consolar, esclarecer e orientar o assistido.  (Metodologia CITAF) 

Data: 20 de julho  -  8h30 às 18h50
Local do Evento: Faculdade Municipal de Palhoça   
Endereço: R. João Pereira dos Santos, 305 - Pte. do Imaruim, Palhoça - SC, 88130-475

segunda-feira, 8 de julho de 2019

ICEF sediará o 7º Encontro Espírita-Esperantista de Florianópolis

O Instituto de Cultura Espírita de Florianópolis sediará no próximo sábado, 13 de julho, o 7º Encontro Espírita-Esperantista de Florianópolis, promovido anualmente pelo Deptº de Estudos e Difusão/Setor de Esperanto da 1ª URE.
A 1ª União Regional Espírita procura seguir a recomendação da Federação Espírita Brasileira, constante no opúsculo Orientação ao Centro Espírita, Cap. XII, item 27: “Favorecer o estudo do Esperanto pelo seu elevado princípio humanitário e sentimento de fraternidade universal que desenvolve e por mostrar-se como elemento auxiliar na difusão da Doutrina Espírita em outros
países”. O encontro tem como objetivo a confraternização entre os diversos grupos de estudo de Esperanto das Instituições Espíritas da 1ª URE e também contar com a presença dos simpatizantes, desenvolvendo temas que estimulem a participação integrada nestes três nobres ideais: Evangelho, Espiritismo, Esperanto.